Alimentação em Foco Menu
Fundação Cargill divulga os 20 projetos selecionados na 5ª edição de seu edital anual

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Google+ Compartilhar com LinkedIn Compartilhar com Pinterest
27/11/2019
Notícias

Fundação Cargill divulga os 20 projetos selecionados na 5ª edição de seu edital anual


Serão beneficiadas mais de 8.850 pessoas de 19 cidades, localizadas do norte ao sul do país

Em sua 5ª edição, o Edital da Fundação Cargill recebeu 653 inscrições, número três vezes maior que a edição anterior, quando foram inscritos 214 projetos. Esse resultado é o recorde histórico da instituição e reflete a relevância do trabalho realizado nos últimos anos, entre a Fundação Cargill e as instituições contempladas. No total, foram selecionados 20 projetos com propostas que incentivam uma alimentação segura, sustentável e acessível, além de impactarem positivamente suas comunidades. Essas iniciativas serão contempladas com suporte técnico e financeiro no desenvolvimento das atividades com duração entre 12 a 24 meses.

Os projetos serão realizados em 19 cidades de 11 estados brasileiros. Estima-se que, no total, serão mais de 8.850 beneficiários diretos e mais de 200.000 beneficiários indiretos.

As iniciativas estão ligadas aos três eixos temáticos indicados no regulamento: iniciativas inovadoras no combate à perda e desperdício de alimentos; inovação tecnológica (soluções e pesquisa) na cadeia de alimentos; e parcerias para inovação e o fortalecimento do empreendedorismo na cadeia da alimentação.

Conheça os projetos contemplados na 5ª Edição do Edital da Fundação Cargill

Agricultura Agroflorestal com Sistemas Microbianos: A ideia deste projeto é implementar na horta da própria instituição idealizadora, Obra Social Célio Lemos, uma metodologia de plantio em Sistemas Agroflorestais junto com micro-organismos promotores de crescimento e/ou biofertilizantes, sistema que foi desenvolvido em parceria com a Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Em seguida, a instituição também pretende disseminar para outros produtores agroflorestais. Toda a produção irá suprir o consumo interno da creche da organização e o excedente será vendido para as comunidades do entorno. | Município: São José dos Campos – SP | Beneficiados diretos: 322 pessoas



Agricultura Nutritiva – Biofortificação de variedades de feijão caupi na melhoria da qualidade alimentar: Esta é uma iniciativa da Universidade Estadual do Maranhão – Campus Balsas (UEMA). O projeto irá estimular o uso de sementes biofortificadas, na produção do feijão caupi, cultura regional que tem um sistema produtivo deficiente na comunidade. A iniciativa visa melhorar a qualidade alimentar e a renda do agricultor familiar através da inclusão do produto no Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). | Município: Balsas – MA | Beneficiados diretos: 120 pessoas



Aproveitamento e uso sustentável do mel de cacau em alimentos: O projeto desenvolvido pela Fundação de Desenvolvimento da UNICAMP (FUNCAMP), irá implementar soluções inovadoras e promover a percepção de valor na cadeia produtiva do cacau, através de novas práticas de beneficiamento, aproveitamento e novos usos do mel de cacau produzido na região atendida. | Municípios: Ilhéus – BA; Campinas-SP | Beneficiados diretos: 1.000 pessoas



Aproveitamento do resíduo da extração da água de coco verde: O Brasil é o maior produtor mundial de coco verde, atividade que gera muito resíduo sólido: cerca de 70 % do lixo das cidades litorâneas brasileiras é constituída de casca do coco. Por conta desses números, o Instituto Mauá de Tecnologia pretende desenvolver processos de produção de ingredientes de alto valor agregado e de produtos, como sorvetes, pães e bolos, a partir do resíduo da extração da água de coco verde (polpa e casca). | Município: São Caetano do Sul – SP | Beneficiados diretos: 1.000 pessoas



Circuito StartupTech: Projetado pela Associação Wylinka, a iniciativa irá estimular, a partir do conhecimento gerado pelas pesquisas realizadas dentro das universidades de Uberlândia, Viçosa, Goiânia e Curitiba, o desenvolvimento e empreendimento de soluções voltadas para os desafios da cadeia de alimentação. | Municípios: Uberlândia – MG; Viçosa – MG; Goiânia – GO; Curitiba – PR | Beneficiados diretos: 160 pessoas



Diagnóstico do uso racional da água na produção de tomate para processamento industrial em Goiás: Essa é uma iniciativa idealizada pela Universidade Federal de Goiás (UFG). O projeto irá comparar o manejo da irrigação praticado atualmente pelos produtores, com o manejo de irrigação melhor aproveitado, apresentando o potencial agronômico e ambiental do melhor uso da água. O objetivo é estimular os agricultores da região a fazerem o uso correto da técnica, oferecendo capacitação para que utilizem um aplicativo que apresentará dados meteorológicos em tempo real e resultado do diagnóstico, auxiliando-os nesse processo. | Município: Goiânia – GO | Beneficiados diretos: 200 pessoas



Embalagens ativas – Possibilidades de inovação com uso de plantas do Cerrado: O foco deste projeto, idealizado pela Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), é o desenvolvimento de biopolímeros (biofilme) para embalagem de alimentos com plantas nativas do Cerrado. O objetivo é incentivar o uso sustentável da matéria-prima e a preservação do bioma, além de promover a segurança alimentar dos alimentos comercializados em feiras livres, através de intervenções com a comunidade. | Município: Barreiras – BA | Beneficiados diretos: 100 pessoas



Enjoy – Multi Espaço Produtivo e Inclusivo em Alimentação: O projeto propõe a criação de um Multi Espaço em produção e distribuição de alimentos, gastronomia social, consumo consciente e acesso à alimentação equilibrada. A iniciativa, que foi idealizada pela Enjoy, irá atuar entre a periferia de M’Boi Mirim até a zona rural de Parelheiros, localizada na região sul da cidade de São Paulo. | Município: São Paulo – SP | Beneficiados diretos: 50 pessoas



Escola Itinerante de Agroecologia na Amazônia: Idealizada pela Casa do Rio, o projeto visa promover a transição agroecológica e garantir a segurança alimentar das famílias de agricultores da região, fortalecendo as comunidades e estruturando o setor da agricultura familiar em torno da produção de alimentos saudáveis, através de cursos e assessoria técnica de forma participativa e inclusiva. | Município: Careiro – AM | Beneficiados diretos: 300 pessoas



Fibras e Amidos de tubérculos ainda não comercializadas industrialmente: Desenvolvido pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), o intuito do projeto é promover o desenvolvimento econômico sustentável, através de pesquisas sobre os tubérculos cultivados no município atendido, que serão processados em modelos de casas de farinhas, gerando novos ingredientes e/ou produtos e aplicações alimentícias. Estes produtos terão maior valor agregado com a obtenção da identidade geográfica e rastreabilidade. Como consequências haverá a valorização cultural e o impacto positivo na qualidade de vida e alimentação da comunidade. | Municípios: Caapiranga – AM; Campinas – SP | Beneficiados diretos: 400 pessoas



FRUTI PC – Película líquida natural comestível para prolongamento da vida útil pós-colheita: Apresentado pela Biogenesis Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, o projeto irá atuar na utilização de películas líquidas naturais comestíveis, com a finalidade de promover aumento do tempo de vida útil de prateleiras de 4 frutas vermelhas. | Município: Toledo – PR | Beneficiados diretos: 25 pessoas



Gastronomia para Viver: O projeto foi preparado pelo Programa Viver Ações Sociais. A proposta é atuar na qualificação profissional e empreendedorismo de indivíduos na área de gastronomia, através de cursos de panificação, confeitaria e culinária geral, além de comercializar produtos de panificação e confeitaria, visando a sustentabilidade da iniciativa. | Município: Chapecó – SC | Beneficiados diretos: 280 pessoas



Inovação tecnológica na produção de fertilizantes biológicos organominerais quelatizados na cultura do tomate orgânico: Outra iniciativa apresentada pela Universidade Federal de Goiás (UFG), essa iniciativa irá atuar na promoção da inovação tecnológica em insumos agrícolas biológicos quelatizados, fertilizantes revestidos com substâncias húmicas. Com isso, pretendem otimizar a liberação de nutrientes que está associada à redução do passivo ambiental, e que serão produzidos a partir de resíduos agroindustriais. Além disso, também pretendem expandir a cadeia produtiva de alimentos com maior qualidade nutricional e acessível à sociedade. | Município: Goiânia – GO | Beneficiados diretos: 200 pessoas



Plantando Mel nas áreas do Sistema Agroflorestal: A proposta, pensada pela Associação Esperança dos Agricultores Familiares e Hortifrutigranjeiros de Brasilândia, tem como objetivo a integração comunitária por meio de mutirões na implantação de 28 áreas de meliponários em sistemas agroflorestais. Além disso, pretendem estimular o envolvimento de jovens, adultos e idosos dos gêneros femininos e masculinos ligados às associações Almanara, Esperança, Pedra Bonita e Santana Santa Emília, e conscientizá-los sobre a importância da preservação das abelhas nativas e do meio ambiente. | Município: Brasilândia – MS | Beneficiados diretos: 28 pessoas



Plantio Seringueira e Cacau no Planalto do Estado de São Paulo – Empreendedorismo Sustentável: Apresentada pela Associação Comercial e Empresarial de São José do Rio Preto, a iniciativa pretende implantar o consórcio do cacau e seringueira no Planalto Paulista, maior região produtora de borracha natural do país. O objetivo é gerar oportunidades para melhorar as condições socioeconômicas, além de proporcionar um ganho ambiental para toda a região. | Município: São José do Rio Preto – SP | Beneficiados diretos: 780 pessoas



REPASSA – Rede para Elaboração de Produtos Alimentícios a partir de Subprodutos dos Sistemas Alimentares do Sul de MG: Idealizada pela Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL), a iniciativa visa promover a articulação entre pesquisa e desenvolvimento, empresas e pequenos produtores locais, e oferecer assessoria técnica ao Banco de Alimentos, além de promover a saúde e a formação profissional da população em vulnerabilidade social. | Município: Alfenas – MG | Beneficiados diretos: 800 pessoas



Redução do desperdício de alimentos na escola e melhora do estado nutricional de crianças: Através dessa iniciativa, a Universidade Federal de Goiás (UFG) pretende realizar atividades voltadas para a educação alimentar e nutricional com merendeiras e escolares, em 6 escolas de Goiânia. O objetivo é estimular a redução de lixo orgânico proveniente da merenda escolar, além de melhorar os hábitos alimentares das crianças . Além disso, o projeto também elaborar e construir materiais didáticos para serem utilizados como instrumentos de intervenção, e que tenham a possibilidade de serem replicados nas demais escolas do município. | Município: Goiânia – GO | Beneficiados diretos: 600 pessoas



Rodas de distribuição – Prato Firmeza: Dando continuidade à parceria de 2019 com a Fundação Cargill, a Associação da Escola de Jornalismo pretende focar na distribuição do guia gastronômico Prato Firmeza e do guia metodológico nas periferias do Rio de Janeiro e São Paulo. | Municípios: São Paulo – SP; Rio de Janeiro – RJ | Beneficiados diretos: 869 pessoas



Saladorama – Formação de Consultoras de Saúde e Bem Estar: Com esse projeto, o Instituto Saladorama pretende promover territórios com melhores condições de acesso à educação alimentar e à alimentação segura, sustentável e acessível. A iniciativa irá focar na formação prática e empreendedora de 120 consultoras de saúde (cis, trans, negras e/ou baixa renda) e estimular o bem-estar nas regiões atendidas. | Municípios: São Paulo – SP; Recife – PE | Beneficiados diretos: 869 pessoas



Se Liga no Desperdício – Cozinhando e alimentando com consciência: Esse projeto é de autoria da Liga Solidária e tem como foco o combate ao desperdício de alimentos no Restaurante Central da própria instituição, que fornece cerca de 44.100 refeições por mês, gerando 1,8 toneladas de perdas mensais. Serão realizadas ações contra o desperdício em toda a cadeia: desde o pré-preparo, distribuição, consumo até a destinação dos resíduos. | Município: São Paulo – SP | Beneficiados diretos: 1.500


Para conhecer os projetos apoiados nas edições anteriores, clique aqui.




O que você procura?





fechar

Obrigado!


Seu cadastro foi realizado com sucesso.



fechar
Loading