Alimentação em Foco Menu
Qual a diferença entre segurança alimentar e segurança do alimento?

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Google+ Compartilhar com LinkedIn Compartilhar com Pinterest

Qual a diferença entre segurança alimentar e segurança do alimento?


Saiba o significado dos termos segurança alimentar e segurança do alimento e como utilizá-los

Segurança alimentar e segurança do alimento é a mesma coisa? Qual dos dois termos está correto?

Muitas vezes esses dois termos são empregados de forma equivocada ou são alvos de dúvidas até mesmo para os profissionais que atuam no segmento de alimentação.

Pensando nisso, desenvolvemos essa matéria para explicar a diferença de segurança alimentar e segurança do alimento.

Primeiramente, respondendo às perguntas acima, os dois termos existem e estão corretos, porém possuem conceitos bastante distintos.

Segurança Alimentar

Segurança alimentar refere-se a garantia de que todas as pessoas no mundo tenham acesso a alimentação nutritiva que atenda suas necessidades diárias para uma vida ativa e saudável.

Segundo a definição do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, a Segurança Alimentar é o “direito de todos ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, tendo como base práticas alimentares promotoras da saúde, que respeitem a diversidade cultural e que sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis”.

O termo “segurança alimentar” deriva do inglês “food security” e surgiu durante a Primeira Guerra Mundial.

Com a destruição de grandes regiões, principalmente na Europa, ficou claro que um país poderia ter domínio sobre outro, por meio de controle do fornecimento de alimentos.

Portanto, além do arsenal bélico, a alimentação passa a ser uma poderosa arma e se torna uma questão de segurança nacional, na qual cada país deve montar sua “estratégia” de produção e estoque de alimentos para suprir as necessidades da sua população.

Em 1974 ocorreu a Primeira Conferência Mundial de Segurança Alimentar, promovida pela FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação), em um momento em que os estoques mundiais de alimentos estavam escassos e grande parte da população mundial sofria com a falta de alimentos.

Reforçava-se a ideia de que a segurança alimentar estava exclusivamente ligada à produção de alimentos, ou seja, a capacidade do setor agrícola de suprir a necessidade alimentar das pessoas.

Nas décadas seguintes, o setor agrícola se recuperou, entretanto, o problema mundial da fome não foi resolvido. Com isso, percebeu-se que mais do que produzir alimentos, a segurança alimentar está intimamente ligada à capacidade de fazer chegar a todas as pessoas, alimentos de qualidade e que supram suas necessidades nutricionais.

Segurança do Alimento

Este termo segurança do alimento deriva do inglês “food safety” e refere-se à garantia de que o alimento comercializado tenha qualidade.

A qualidade esperada do alimento comercializado significa, basicamente, que ele não contenha:

  • contaminantes químicos: como resíduos de metais pesados e agrotóxicos;
  • contaminantes físicos: como parte de insetos, pedras e demais materiais;
  • contaminantes biológicos: como bactérias.

Para isso, é imprescindível que a empresa fabricante de alimentos adote práticas de seleção, manipulação e produção para que o alimento esteja saudável até seu consumo.

Para assegurar a segurança do alimento comercializado, as empresas devem implantar um programa de gestão, com manuais de conduta, regras e procedimentos. Além de disseminar a cultura de segurança do alimento entre seus colaboradores.

O consumidor, por sua vez, deve estar atento a data de validade do produto vendido e a integralidade de sua embalagem, a fim evitar que o alimento comercializado cause algum dano à sua saúde.

Fontes:

https://afrebras.org.br/noticias/saiba-diferencas-entre-seguranca-de-alimentos-e-seguranca-alimentar/

https://www.oxfam.org.br/blog/descubra-o-que-e-seguranca-alimentar-e-qual-sua-importancia/

http://www.dhnet.org.br/direitos/sos/alimentacao/tconferencias.html




O que você procura?





fechar

Obrigado!


Seu cadastro foi realizado com sucesso.



fechar
Loading