Alimentação em Foco Menu
Projeto Alto Arapiuns desenvolve trabalho com populações ribeirinhas no Pará

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Google+ Compartilhar com LinkedIn Compartilhar com Pinterest

Projeto Alto Arapiuns desenvolve trabalho com populações ribeirinhas no Pará


Iniciativa estimula geração de renda de populações ribeirinhas do Pará, unindo a cultura tradicional da região, com boas práticas de gestão e possibilidades de diversificação da produção agrícola.

Iniciativa estimula geração de renda de populações ribeirinhas do Pará, unindo a cultura tradicional da região, com boas práticas de gestão e possibilidades de diversificação da produção agrícola.
A maior bacia hidrográfica do planeta ocupa parte do território brasileiro: a bacia amazônica, localizada na região norte do país.

Os rios que a compõem permitiram o desenvolvimento de comunidades vinculadas diretamente a atividades como pesca, extrativismo e uma produção de variadas culturas que constituem a base de nossa alimentação e fazem parte da culinária de todas as regiões do Brasil.

Dentro deste contexto, em 2011, nasce o Projeto Alto Arapiuns que integra o Programa Alto Arapiuns de Desenvolvimento Sustentável (PAADS), iniciativa que atua nas comunidades Fé em Deus, Piracuí e Prainha do Maró, localizadas a 130 quilômetros de Santarém (PA), ao longo do Rio Arapiuns, que têm o artesanato e a agricultura como atividades econômicas e de subsistência.

PARCERIA COM A FUNDAÇÃO CARGILL

Desde 2016, através da seleção do edital público anual, a Fundação Cargill atua em parceria com o Projeto Alto Arapiuns, possibilitando a união dos saberes tradicionais com novas tecnologias.

A proposta visa aprimorar técnicas já utilizadas pelas comunidades ribeirinhas para melhorar a produção agrícola, além de estimular a ação voluntária dos funcionários da Cargill, permitindo trocas entre culturas, enriquecimento e ampliação da compreensão de mundo de todos os participantes.

Inicialmente, o foco de atuação foi para a criação de roças familiares, garantindo uma alimentação acessível e mais diversificada. A prioridade foi para o cultivo da mandioca, base de alimentação das famílias da região, do feijão, ótima fonte de ferro e proteína, do milho, que serve para a alimentação das galinhas que são criadas nas comunidades e a pimenta do reino, que auxilia na geração de renda através de sua comercialização.

Veja mais informações sobre o início desta parceria!

Após 3 anos de parceria, por conta da relevância regional, o projeto foi selecionado novamente na edição de 2019 do edital da Fundação Cargill. Neste terceiro ano, os trabalhos foram direcionados para o acompanhamento das 17 roças já existentes, além da criação de mais 7 roças, totalizando 25 áreas cultivadas por famílias da região, que recebem o apoio e a capacitação necessária para desenvolverem uma atividade agrícola sustentável. Em paralelo, também foi construída a casa de farinha de mandioca, que otimiza a produção deste alimento, aumentando a gama de produtos que podem ser consumidos na comunidade ou comercializados para outras regiões.

De acordo com Lelis Fachini, coordenador do Projeto Alto Arapiuns, a iniciativa se expande para além da produção agrícola. “As esposas dos agricultores, além de trabalharem na roça e cuidar dos galinheiros, também receberam capacitação em costura e silk screen para produzir os uniformes escolares dos alunos da comunidade.” Ou seja, os frutos do trabalho desenvolvido na região ultrapassam as barreiras das roças.

Lelis destaca que além de todo o conhecimento prático adquirido pelos voluntários e participantes do projeto, “o principal aprendizado é a persistência diante das dificuldades” e ressalta a importância do projeto para a valorização das culturas nativas da região: “o projeto se mantém atento aos aspectos da cultura local e procura sempre ouvir muito antes implementar uma nova atividade. As decisões são tomadas em conjunto em uma relação muito horizontal entre voluntários do projeto e membros das comunidades.”

PROGRAMA ALTO ARAPIUNS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

O Programa Alto Arapiuns de Desenvolvimento Sustentável (PAADS) é uma iniciativa da Diretoria Social do Aeroclube de Voo a Vela CTA de São José dos Campos – SP, uma organização sem fins lucrativos fundada em 1957.

Iniciado em 2011, é desenvolvido na região da bacia de afluentes do Rio Arapiuns, em Santarém (PA), e leva para as comunidades ribeirinhas ali existentes, iniciativas nas áreas de saúde, educação, comunicação, segurança alimentar e agricultura sustentável.

Um dos escopos do Programa Alto Arapiuns é o projeto agrícola que tem como proposta trabalhar em parceria com as comunidades locais para gerar alternativas de renda juntamente com o planejamento ambiental e a conservação da mata nativa local.

Veja mais sobre o projeto e a atuação dos voluntários da Cargill:




O que você procura?





fechar

Obrigado!


Seu cadastro foi realizado com sucesso.



fechar
Loading