Alimentação em Foco Menu
Entenda porque sentimos sono depois do almoço

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Google+ Compartilhar com LinkedIn Compartilhar com Pinterest

Entenda porque sentimos sono depois do almoço


Modo soneca é possível ser eliminado com apenas 6 práticas diárias. Confira!

Você é daquelas pessoas que sentem sono depois do almoço? Comeu aquele prato preferido e delicioso, em seguida aproveitou a sobremesa, sentiu-se satisfeito e feliz. Mas, em questão de minutos, sentiu seus olhos fechando lentamente, corpo pesado e aquela sonolência?

Calma que tudo tem uma explicação! É absolutamente normal sentir sono após o almoço e esse estado de sonolência não se relaciona com a quantidade de comida ingerida, como muitas pessoas pensam.

Há diversos motivos que podem influenciar no “modo soneca”. O primeiro é a ingestão de alimentos mais gordurosos. Embora o motivo ainda seja desconhecido, estudos apontam que quanto mais gorduroso for o alimento, mais ele vai te dar sono.

Outra explicação fisiológica é o aumento do fluxo sanguíneo na direção do estômago e do intestino. Apesar de ajudar no processo da digestão, a diminuição do sangue resulta na diminuição do transporte do oxigênio. Ou seja, quando existe menos oxigênio no cérebro, nosso organismo reage e entra em estado de “hibernação”, por isso, sentimos sono.

Ainda de acordo com pesquisas realizadas por cientistas da Universidade de Manchester, na Inglaterra, depois de comermos, o cérebro sai do estado de atenção. Isso acontece porque o açúcar encontrado nos alimentos (glicose), faz com as células que nos deixam em estado de alerta parem de nos mandar sinais para ficarmos acordados. O mecanismo é simples: quando nosso corpo precisa de “combustível”, somos alertados a todo o momento. Mas, quando matamos a fome, os sinais são interrompidos, deixando a moleza tomar conta do corpo.

Apesar de parecer incontrolável, existem alguns truques que podem te ajudar a driblar o sono depois do almoço e aumentar sua produtividade. Confira:

– Pratique exercícios físicos: caminhada, suba escadas e até mesmo um bom alongamento
– Beba mais água
– Durma mais de seis horas por noite (pelo menos 7-8 horas por dia)
– Aposte nas proteínas, elas fornecem energia e evitam picos de açúcar no sangue
– Substitua o café por um chá verde
– Almoce em um local fresquinho, arejado. Ambientes quentes aumentam a fadiga

Se você se identificou com esses sintomas, não fique preocupado. Pelo menos metade da população tem vontade de dar uma sonequinha pós almoço. Por isso, para evitar que essa soneca atrapalhe sua rotina, é importante seguir as dicas acima e levar uma vida mais equilibrada.




O que você procura?





fechar

Obrigado!


Seu cadastro foi realizado com sucesso.



fechar
Loading