Alimentação em Foco Menu
Campanha Brasil Saudável e Sustentável é lançada no Rio de Janeiro

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Google+ Compartilhar com LinkedIn Compartilhar com Pinterest

Campanha Brasil Saudável e Sustentável é lançada no Rio de Janeiro


O governo federal, em parceira com organizações da sociedade e o setor privado, lançou nesta terça-feira (15), no Rio de Janeiro, a campanha Brasil Saudável e Sustentável, um conjunto de iniciativas com objetivo de promover a alimentação saudável e alertar para os riscos da má alimentação. O calendário das ações começa no dia 15 de março, Dia do Consumidor, passa pelas Olimpíadas Rio 2016 e vai até maio de 2017.

A campanha vai promover o acesso à informação para sensibilizar o consumidor, o mercado privado e o agricultor; disseminar informações para a população a respeito dos benefícios da alimentação saudável e apoiar a divulgação de práticas alimentares saudáveis nas redes públicas de saúde, educação e assistência social.

Serão realizadas ações que estimulem as pessoas a refletir sobre os hábitos de consumo e a optar por escolhas alimentares saudáveis, demonstrando as vantagens do consumo de produtos locais, frescos, vindos da agricultura familiar e da produção orgânica ou agroecológica.

Combate à obesidade e sobrepeso

A promoção da alimentação saudável está no centro da pauta do governo federal. Após o Brasil sair, em 2014, do Mapa Mundial da Fome, publicado anualmente pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação (FAO), outro desafio surgiu: o combate à obesidade e o sobrepeso. Preocupado com este quadro, um conjunto de políticas públicas e outras iniciativas de garantia de acesso a alimentos vem sendo reforçado.

Indicadores demonstram que, atualmente, um terço das crianças brasileiras está com sobrepeso, 56,9% da população adulta está com excesso de peso e destes, 21,3% estão obesos (PNE, 2015). Isto tem contribuído com a expansão de doenças crônicas, como diabetes, hipertensão, muitas delas decorrentes da má alimentação, e que são responsáveis 72% das mortes no Brasil.

“Esperamos atingir o maior número de pessoas possíveis com esta mensagem que é, ao mesmo tempo, um alerta e um estímulo a práticas alimentares mais saudáveis. O Brasil, como grande produtor de alimentos saudáveis e sustentáveis, não pode ver sua população entrar no mapa da obesidade. O desafio é de todos”, afirma a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello.

2016: um prato cheio de atividades

De acordo com o secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Arnoldo de Campos, “o momento é de unir esforços em torno da promoção da alimentação saudável e combater a obesidade”. Uma série de atividades da campanha se concentrará no Rio de Janeiro. Porém, a proposta é que as ações ganhem escala e inspirem outras iniciativas pelo país. Confira aqui algumas das ações.

 

Acesse o site e conheça a campanha: http://brasilsaudavelesustentavel.gov.br/

Com informações: Portal Brasil e Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.




O que você procura?





fechar

Obrigado!


Seu cadastro foi realizado com sucesso.



fechar
Loading